MUITO MAIS QUE UM TOSTÃO FURADO

Moeda

 


Ez 18:14: E eis que também, se ele gerar um filho que veja todos os pecados que seu pai fez e, vendo-os, não cometer coisas semelhantes


Este capítulo é dirigido aqueles que professavam a sua fé em Jeová, o Deus dos Hebreus. Discorre ostensivamente sobre uma serie de desvios e acertos comportamentais que acarretam disciplina ou libertação de cargas e sofrimentos familiares.

Era difícil permanece fiel sob a influência de pais que desobedeciam a Palavra e cujos investimentos no comportamento andavam de lado e de marcha a re. Para os seus filhos, prometeu livramento de pesos e castigos impostos a seus familiares. Pediu apenas que não reproduzissem o mesmo comportamento de seus pais.

Esta decisão é fácil de tomar, mas é difícil remar contra uma correnteza familiar que puxa para uma cachoeira sombria. Viviam em uma época onde a interferência dos pais sobre o destino dos filhos era determinante e resistir a isto era uma missão quase impossível. Esta decisão, porem, traria conforto, alegria e lhes preservaria o nome.

Mesmo no Novo Testamento aprendemos como se processa o resgate do vil comportamento herdado dos nossos pais. O pagamento de uma divida acumulada seria com o ouro e a prata que herdamos? Seria do mesmo jeito como ocorria nas famílias dos escravos? Nada disto, era mediante o lavar regenerador do sangue de Jesus Cristo derramado na Cruz (1Pd 5.18).
A morte de Jesus foi a cerimônia definitiva e suficiente para nos resgatar. Não preciso nem mais de um tostão furado.

Ubirajara Crespo

Anúncios