INFILTRACAO SATANiSTA

Não estou recomendando que você deixe de lado a literatura dantesca, de sucesso inegável e veracidade questionável. A maioria dos autores deste gênero literário, não nega a ficção, mas há os que se infiltram na mente de seus leitores e convencem editores crédulos, de que se baseia em historia real. O seu objetivo é óbvio; atrair leitores e dinheiro.
Quando o fundo é religioso, encontramos… os que, com sinceridade, relatam o que acreditam ter visto, mas outros não possuem uma orientação ética que os impeça de se entregarem conscientemente ao engano.
Satanás trabalha muito com o ilusionismo. Todas as novas seitas satânicas acreditam ser condutoras e implantadoras do reino do anti cristo no mundo. Ele consegue invadir o campo ótico das pessoas com miragens, cenas dantescas, criaturas bizarras, sensações, viagens astrais, paraísos bucólicos e cenas espetaculares.
Ele tentou este truque mágico com Jesus, transformando o pináculo do Templo em um estudio onde produziu cenas de lugares que, supostamente, fazem parte de seu reino futuro (Mt 4).
Não creia em tudo o que os ex satanistas dizem, pois alguns, assim como você, foram vitimas deste tipo de ilusão, mas outros são apenas charlatões , que por onde passam, deixam gente machucada e ferida.
Encare este tipo de literatura como fábula e diversão, mas não exagere.
Minha recomendação seria jamais se envolver com gente que não apresente uma boa referência de pastores e de Igrejas por onde passou e principalmente da Igreja da qual é membro. Acredite apenas naqueles cujo campo de relacionamento envolve pessoas reais e não apenas vultos, entidades e seres etéreos.
Como descobrir a procedência do obreiro?
– Avalie se, assim como Timoteo, marcou sua positivamente a sua passagem.
1. Em pelo menos dois lugares onde passou: “…dele davam bom testemunho os irmãos em Listra e Icônio” (At 16:2).
2. Entre Cristãos e incrédulos, onde a pressão é bem maior:  “…é necessário que ele tenha bom testemunho dos de fora, a fim de não cair no opróbrio e no laço do diabo (1Tm 3:7).
A melhor fonte de informação esta entre pessoas com quem manteve relações estáveis em vários momentos da sua vida. Não se baseie na opinião de amigos recentes nem daqueles que o conhecem apenas pelo que escreveu.
Se quiser informações a meu respeito, alguém, lhe convido a passar por todos os lugares onde andei. Investigue minuciosamente a minha vida. Nunca narrei conversas com anjos e demônios. Não frequentei lugares etéreos nem castelos sombrios cujo endereço ninguém sabe.
Além do mais, só cultivei amizades com gente de carne e osso. Não faço nenhuma apologia de mim mesmo, pois não passo de um pecador tentando acertar o passo.
Fique longe de gente que age desta maneira, pois aprenderam com o seu chefe, o diabo, a usar e depois jogar fora.

Ubirajara Crespo

Este artigo não tem endereço de destinatário, é um tiro de pólvora, quem ficar na frente e sentir a dor, deve se avaliar melhor
Anúncios