Ganhando o mundo corporativo para o Reino

“Para envergonhar os sábios, Deus escolheu aquilo que o mundo acha que é loucura; e, para envergonhar os poderosos, ele escolheu o que o mundo acha fraco” .
Quando a Igreja começa a dar carteirada, costurar alianças terrenas parecer forte, influente e a funcionar como se fosse um partido político, é uma corporação que tenta se firmar usando documentação foi falsificada.
Quem apresenta documentação de representante de Cristo misturada com metodologia de avanço copiada de empresas, não é a Igreja.
O método a ser usado pela Igreja visa alcançar a todos os homens e o homem todo com a finalidade de o transformar em um discípulo.
Não somos uma corporação que busca conquistar o sistema, mas se afastar dele o máximo possível.
O mundo, como uma corporação, jaz no maligno, e será totalmente dominado por ele, não há como evitar isto, a não ser por uma intervenção direta de Jesus. O método dele será destruir o sistema e não se aproximar dele, aprender a conviver com ele e o manipular. Ao seu método Deus deu o título de ARMAGEDOM.
No final de tudo, o destruirá completamente e fará tudo de novo, tanto o Céu como a Terra.
Não tem porque usar um método diferente do dele. Nosso negócio é transformação de almas e não de estruturas sociais. Afastamento e não aproximação metodológica, filosófica, política e pragmática.

 

Bíblia de Estudo do Guerreiro.

Anúncios